No "clássico", Noroeste e Santacruzense empatam e perdem a chance de subir na tabela

21 mar 2012
A vitória garantiria o Noroeste na segunda fase da Série A3, mas a Santacruzense segurou o empate

Mais uma vez, o Noroeste, mesmo jogando em Bauru, prorrogou a classificação para a segunda fase da Série A-2 do Campeonato Paulista. Jogando mal, a equipe empatou ontem em 2 a 2 com a Santacruzense e saiu vaiada de campo pela torcida. Também pelo segundo jogo consecutivo, o time bauruense terminou a partida com um a menos em campo.

O jogo começou bastante disputado, porém, com o Noroeste melhor postado em campo. E esta superioridade foi confirmada logo aos 23 minutos, quando, após boa tabela de Boka, o zagueiro Léo Júnior meteu a mão na bola dentro da área. Na cobrança do pênalti, Leandro Oliveira abriu o placar.

A torcida bauruense, porém, nem teve tempo para comemorar. Um minuto depois, o atacante Diogo Nogueira recebeu na área do Norusca, girou e bateu forte, empatando o jogo.

A partir daí, a partida ficou mais equilibrada. Aos 37 minutos, Betinho foi sair jogando e deu um passe curto para Alexandre, que, atrasado, fez falta forte bem na “boca” da área. Na cobrança, Renato Albas soltou um “foguete”. O goleiro Nicolas espalmou, porém, na cabeça de Diogo Nogueira, que marcou o segundo dele e virou o jogo.

O Norusca tentava o empate investindo pelas laterais. Porém, três minutos antes do fim da primeira etapa, foi Diogo Nogueira que quase marcou o terceiro. Ele saiu cara a cara com Nicolas, que evitou o gol.

Veio o intervalo e os dois times reclamaram muito da arbitragem. Sabendo da responsabilidade de jogar em casa, o Norusca voltou mais ligado e conseguiu o empate logo aos 5 minutos da etapa complementar.

A bola sobrou na lateral para Bira que, com bastante tranquilidade, rolou para Leandro Oliveira. O meia saiu da marcação e bateu cruzado forte, também marcando seu segundo no jogo e igualando novamente o placar. Com o gol, o Norusca ensaiou uma pressão. Entretanto, a noite não era mesmo de Boka, que, sem tempo de bola, errava a maioria dos arremates e cabeceios.

Com a saída dos dois homens de criação do Norusca – França e Leandro Oliveira -, o jogo esfriou bastante. Aos 37 minutos, esquentou novamente. Porém, de maneira negativa. Após confusão, Marcelinho acertou um soco no adversário e foi expulso.

A vantagem numérica acendeu a Santacruzense que, mesmo contente com o empate, veio para cima. Apesar de não ter conseguido alterar o resultado, a pressão do adversário e o fato de ser o segundo empate em casa tirou vaias da torcida. Sob protestos, o placar final ficou em 2 a 2.

Mesmo com o resultado, o Norusca continua na quarta colocação. No sábado, a equipe vai a São Paulo enfrentar o Palmeiras B. Além de Marcelinho expulso ontem, a equipe não contará também com Betinho, que tomou o terceiro amarelo. Outro desfalque pode ser França, que saiu do campo com dores.

Fonte: JCNet.com.br

Leia mais notícias do clube Noroeste

Leia mais notícias de Todos os Clubes


Compartilhe esta notícia com seus amigos

Comentários