Santacruzense consegue vitória histórica e permanece na A2

01 abr 2012
Equipe do site Grito de Gol esteve no estádio e acompanhou a emoção da torcida.

Quando a Série A2 começou, ninguém esperava que o time fosse permanecer, com o campeonato em andamento, os resultados ruins, as esperanças diminuiram ainda mais. Mas, com uma reação na reta final, fechando com uma vitória de virada, por 2 a 1, contra o Audax, em São Paulo e combinado com a derrota do Palmeiras-B, por 4 a 0 para o São Bernardo, se garantiu na Série A2. Com 22 pontos, o Tricolor terminou esta primeira fase, na 15ª colocação, no seu primeiro ano na divisão.

Em busca do resultado para deixar a zona de rebaixamento, a Santacruzense começou o jogo mais presente no campo de ataque. Mas, quem teve a primeira boa chance, aos 22 minutos, foi o Audax. Alex Afonso recebeu na entrada da área e bateu cruzado, com força, obrigado Diego a fazer um milagre e salvar o Tricolor.

A resposta veio aos 30 minutos com Wallacer. Ele fez boa jogada individual e bateu de fora da área, obrigando Rafael Costa espalmar para escanteio. Mas, aos 39 minutos, Romário fez boa jogada e cruzou para Dhiego Souza só completar para o fundo das redes.

No final, o Audax pressionou e terminou melhor que a Santacruzense, que pouco criava no campo de ataque. O time de Santa Cruz do Rio Pardo sentiu o gol e sabia que com o resultado, estava sendo rebaixado para Série A3.

A Santacruzense começou o segundo tempo com tudo e logo no primeiro minuto empatou a partida. Após cruzamento na área, Diogo subiu mais que todo mundo e testou para o fundo das redes. A virada do Tricolor aconteceu aos oito minutos. Lucas Limão bateu de fora da área, por cima do goleiro, que estava adiantado.

Após virar o jogo, a Santacruzense administrou o jogo e ficou no campo de ataque. O Audax pouco chegava nos contra-ataques. Os torcedores da Santacruzense, que estavam no estádio em São Paulo não paravam de cantar e apoiaram muito o time.

Quando o jogo terminou, os jogadores da Santacruzense fizeram muita festa no Estádio, já que garantiram a permanência na Série A2. Todos se abraçaram e comemoraram com os torcedores. Até o técnico Edmilson de Jesus pulou o alambrado e caiu nos braços da torcida.

Fonte: Futebol Interior, com informações da Redação GdG

Leia mais notícias do clube Santacruzense

Leia mais notícias de Todos os Clubes


Compartilhe esta notícia com seus amigos

Comentários